Gilberto Veríssimo confirmado na liderança da Comissão da CEEAC

O embaixador angolano Gilberto Veríssimo foi confirmado, por unanimidade, como presidente da Comissão da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), durante a 17ª Cimeira dos Chefes de Estado e de Governo da organização regional, realizado por videoconferência e que contou com a participação do Chefe de Estado angolano, João Lourenço.

Luanda /
31 Jul 2020 / 11:12 H.

Gilberto Veríssimo vai estar à frente da Comissão da CEEAC durante cinco anos, num mandato não renovável. O nome do diplomata já tinha sido aprovado para aquela função, por consenso, esta segunda-feira, durante a XII sessão extraordinária do Conselho de Ministros da CEEAC, mas a aprovação carecia da ratificação dos Chefes de Estado e de Governo.

A Cimeira, organizada pelo Gabão, serviu, também, para os Chefes de Estado e de Governo da CEEAC decidirem com quem devia ficar a presidência rotativa da organização, depois do mandato do Gabão.
O ministro das Relações Exteriores, Téte António, presente no encontro, disse que o novo Tratado Revisto prevê que a escolha do presidente da Comissão e da CEEAC siga a ordem alfabética.

Mas, esclareceu, tendo em conta que Angola assumiu a presidência da Comissão (órgão executivo), decidiu-se que a liderança da organização ficasse com um outro País, no caso o Congo Brazzaville.


Téte António ressaltou que o processo de transição vai durar 12 meses, durante os quais a Comissão deverá tratar dos recursos humanos, do regulamento da grelha de vencimento do pessoal e tratar, também, das questões da reforma, tais como a instalação de órgãos como o Parlamento e o Tribunal.