Em cada 100 Luandenses dois podem estar infectados pela COVID-19

Luanda /
08 Jul 2020 / 12:50 H.

O especialista em Saúde Pública e porta voz da Ordem dos Médicos de Angola (OMA), Jeremias Agostinho, referiu que na província de Luanda, epicentro da COVID-19, em cada 100 habitantes pelo menos dois podem estar infectados pelo novo coronavírus.

A estimativa do médico baseia-se nos testes de rastreio realizados recentemente a 41 funcionários do Centro de Imprensa Aníbal de Melo (CIAM), incluindo a equipa de jornalistas que habitualmente faziam cobertura das conferencias de imprensa no local, dentro os quais houve um caso positivo

“Uma vez que Luanda tem quase 17 milhões de habitantes e do ponto de vista matemático, se forem realizados estudos aleatórios e o resultado for o mesmo, já se consegue ter uma estimativa de quantos positivos podemos ter”, disse.

Recorde-se que o País registou, nas últimas 24 horas, mais 8 casos positivos da COVID-19, somando um total de 197 casos confirmados, dos quais 110 activos, sendo que três precisam de cuidados especiais e os demais estão estáveis. Conta-se 77 recuperados e 10 óbitos.