Cabinda, Lunda-Norte e Uíge com casos positivos

As províncias da Lunda-Norte, Cabinda e Uíge entram para as estatísticas da pandemia da COVID-19, com o registo de um caso positivo cada, dos 31 reportados, informou o secretário de Estado para a Saúde Pública.

Luanda /
31 Jul 2020 / 12:09 H.

De acordo com Franco Mufinda, dos 31 infectados, 28 foram detectados em Luanda, referindo que o caso da Lunda-Norte violou a cerca sanitária da capital do País e foi encontrado, quando menos se esperava, naquela província pelas autoridades sanitárias.

O governante, que falava na sessão diária de actualização de dados da COVID-19, esclareceu que os infectados têm idades entre 16 e 63 anos, sendo 11 mulheres e 20 homens. Apontou as localidades da Ingombota, Belas, Talatona, Viana, Rangel Cacuaco e Kilamba-Kiaxi as mais afectadas.

Ainda recentemente, as autoridades sanitárias do País recuperaram, pela primeira vez, 94 doentes infectados com COVID-19, desde o início da pandemia em Março último, batendo o recorde anterior de 35. Deste modo, o número de pessoas livres da pandemia subiu para 395.

O secretário de Estado para a Saúde Pública disse, também, que houve um registo de três óbitos, todas senhoras que se encontravam internadas no Hospital Militar e na Clínica Sagrada Esperança, em Luanda. As mesmas têm idades entre 63 e 83 anos.

Temas