20 mil testes e máscaras em Luanda

Um carregamento de 20 mil testes de diagnóstico, 100 mil máscaras médicas, mil roupas de protecção e escudos chegam a Luanda

Luanda /
25 Mar 2020 / 10:47 H.

Os suprimentos médicos chegam, numa aeronave da companhia Ethiopian Airlines, no âmbito de uma iniciativa global de combate à Pandemia do Coronavírus (Covid-19), nos países africanos. A Fundação Jack Ma e Alibaba pretende distribuir, pelo continente, 1,1 milhão de kits de testes e seis milhões de máscaras para o continente africano prevenir-se do Covid-19.

“Nós não podemos ignorar o potencial perigo em África e pensar que este continente de 1,3 mil milhões de pessoas vai milagrosamente escapar à crise. O mundo não faz ideia das consequências nefastas da pandemia do Covid-19 em África”, disse recentemente Jack Ma, para justificar o seu gesto.

África tem ainda uma longa marcha para conter o surto do novo coronavírus que já infectou mais de 400 pessoas no continente. Pelo menos 30 países africanos já têm casos do Covid-19. Maior parte dos países africanos dispõe de fracos sistemas de Saúde já sobrecarregados de doenças como cólera, malária e ébola.