Infectado com COVID-19, presidente da Ucrânia decide ser internado

Opresidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, foi internado no hospital de Kiev, após ter sido diagnosticado, no início da semana, com COVID-19.

Luanda /
12 Nov 2020 / 10:48 H.

A informação foi esta quinta-feira revelada por um porta-voz da presidência, de acordo com a Reuters.

"Ele foi para casa mas depois decidiu mudar-se para Feofania (hospital), para poder isolar-se corretamente e não expor ninguém (à doença)", esclareceu a mesma fonte esta quinta-feira.

“Ali ele têm melhores condições. Não é nada sério", garantiu, referindo-se ao seu estado de saúde.

Além de Zelenski, também o chefe do seu gabinete, Andréi Yermak, foi internado num hospital, disse o assessor, Mikhail Podoliak, ao jornal Ukrainskaya Pravda.

"Ambos estão em quartos isolados e continuam a desempenhar as suas funções remotamente", disse Podoliak, acrescentando que estes mantêm o seu horário normal, apenas estão isolados.

Recorde-se que outros três membro do Governo também estão infectados, entre eles o ministro da Defesa e o ministro das Finanças.