Zelensky diz a Guterres estar pronto para “garantir segurança alimentar mundial”

“Falei com o secretário-geral da ONU, António Guterres. Confirmei o compromisso da Ucrânia com o acordo de cereais”, escreveu Zelensky na rede social

Luanda /
01 Nov 2022 / 13:29 H.

A Ucrânia está determinada em “continuar a garantir a segurança alimentar mundial” e a prolongar as suas exportações de cereais, assegurou hoje o Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, ao secretário-geral das Nações Unidas (ONU), António Guterres.

A Rússia anunciou, no sábado, a suspensão da sua participação no acordo sobre as exportações de cereais dos portos ucranianos após um ataque de “drones” (aeronaves não tripuladas e controladas remotamente) que visou a frota russa estacionada na baía de Sebastopol, na Crimeia anexada.

O acordo, concluído em Julho sob a égide da ONU e da Turquia, permitiu a exportação de vários milhões de toneladas de cereais retidos nos portos ucranianos desde o início da guerra em Fevereiro, que fez com que os preços dos alimentos disparassem, aumentando o receio da fome.