CNE confirma resultados provisórios e envia acta ao Supremo Tribunal de Justiça

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) da Guiné-Bissau deve anunciar dentro de no máximo de 48 horas os resultados definitivos da segunda volta da eleição presidencial de 29 de Dezembro, depois da assinatura da acta que será enviada amanhã ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ).

15 Jan 2020 / 11:25 H.

A acta de apuramento final foi assinada, como solicitada pelo STJ no seu acórdão do dia 11, com 10 votos a favor num universo de 18 membros, aprovando assim o apuramento dos resultados finais que reafirmam os provisórios apresentados pela CNE a 1 de Janeiro.

Fontes próximas da candidatura de Domingos Simões Pereira admitem que os advogados irão recorrer, alegadamente por a acta ter sido assinada depois do prazo.

Entretanto, a CNE pode anunciar os resultados definitivos e os respectivos editais dentro de 24 a 48 horas.

Caso o STJ confirme a legalidade dos resultados, Umaro Sissoco Embalo, que obteve 53,4 por cento dos votos contra 46,45 por cento de Domingos Simões Pereira, será confirmado como novo Presidente da Guiné-Bissau.