China inicia exercícios e dispara dois mísseis junto a Taiwan

As manobras militares surgem em resposta à visita da congressista norte-americana Nancy Pelosi a Taiwan, vista como uma provocação pela China

China /
04 Ago 2022 / 08:53 H.

A China iniciou hoje os exercícios militares, que incluem fogo real, nas imediações de Taiwan, noticiou a televisão estatal chinesa CCTV.

Vários projécteis explodiram no céu, seguidos de nuvens de fumo e de sons de explosão, avança a AFP.

Segundo a Reuters, dois mísseis foram lançados pela China perto das ilhas Matsu de Taiwan, que se encontram ao largo da costa da China, por volta das 14 horas locais.

A China está a realizar exercícios nas vias navegáveis internacionais mais movimentadas e nas rotas da aviação, o que é "um comportamento irresponsável e ilegítimo", disse o Partido Democrático Progressivo de Taiwan no poder.

As manobras militares surgem em resposta à visita da congressista norte-americana Nancy Pelosi a Taiwan, vista como uma provocação pela China. Pelosi, líder da Câmara dos Representantes do Congresso dos Estados Unidos é a mais importante responsável norte-americana a visitar a ilha em 25 anos.

O Governo chinês respondeu nos últimos dias com sanções económicas a Taiwan.

Pequim reclama a soberania sobre a ilha e considera Taiwan uma província separatista desde que os nacionalistas do Kuomintang se retiraram para a ilha em 1949, depois de perderem a guerra civil contra os comunistas.