Marinha dos EUA navega em águas reclamadas pela Venezuela

Um navio da Marinha de Guerra norte-americana navegou numa zona do Mar das Caraíbas que segundo Washington é reivindicada de forma abusiva pela Venezuela, disseram hoje fontes militares dos Estados Unidos.

24 Jun 2020 / 11:58 H.

O navio (destroyer) lança-minas Nitze da Marinha dos Estados Unidos “lançou uma operação para a livre navegação contestando uma reivindicação marítima excessiva da Venezuela”, anunciou o Southern Command (SOUTHCOM) organismo que dirige as questões militares norte-americanas nas Caraíbas.

De acordo com a Marinha dos Estados Unidos, a operação decorre em águas internacionais localizadas a 12 milhas náuticas da Venezuela e que são reivindicadas pelo presidente venezuelano de facto, Nicolas Maduro.

O navio norte-americano navegou nas águas que o “regime ilegítimo de Maduro afirma erradamente controlar”, indica o comunicado.

Um porta-voz militar dos Estados Unidos disse à France Presse que uma operação semelhante decorreu no passado mês de Janeiro na mesma zona.