Combatentes do Boko Haram matam 10 soldados chadianos perto da fronteira com a Nigéria

A insurgência do Boko Haram, que eclodiu no nordeste da Nigéria em 2009, matou mais de 350.000 pessoas

Luanda /
23 Nov 2022 / 10:34 H.

Militantes do Boko Haram mataram pelo menos 10 soldados chadianos num ataque a uma unidade militar na província do Lago Chade, perto da fronteira com a Nigéria, nesta terça-feira, informou o governo do Chade em comunicado.

A unidade havia sido enviada como precursora da instalação de um posto do exército na ilha de Bouka-Toullorom, entre os vilarejos de Ngouboua e Kaiga, onde o Boko Haram realizou várias ofensivas nos últimos anos.

A insurgência do Boko Haram, que eclodiu no nordeste da Nigéria em 2009, matou mais de 350.000 pessoas e forçou milhões a fugir de suas casas.

O grupo se espalhou para a zona pantanosa do Lago Chade, no oeste do país, onde os exércitos do Chade, Nigéria e Níger combatem os militantes islâmicos há anos.