Artistas devem formalizar pedido para obter a Carteira Profissional

Os pedidos devem ser apresentados à Comissão da Carteira Profissional do Artista, no edifício 4, do Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente, em Talatona, no sexto andar.

Luanda /
22 Ago 2022 / 14:41 H.

A Comissão da Carteira Profissional do Artista prossegue hoje, no Palácio de Ferro, em Luanda, com a entrega da carteira para músicos, bailarinos, actores e outros artistas.

De acordo com o presidente da Comissão da Carteira Profissional, Maneco Vieira Dias, estão disponíveis mais 70 carteiras profissionais para serem entregues aos profissionais das artes, nos próximos dias.

Adiantou que, geralmente, são as associações artísticas, no caso da União Nacional dos Artistas Plásticos, União dos Escritores Angolanos, Associação Angolana de Teatro, União Nacional dos Artistas e Compositores, Associação Angolana de Profissionais de Cinema e Audiovisual, entre outras, solicitam a carteira profissional para os membros, mas, "individualmente, os artistas podem solicitar a carteira profissional”.

Os estatutos da Comissão da Carteira Profissional do Artista (CCPA) referem que todos os artistas, entre nacionais e estrangeiros, podem requerer o documento para o exercício da actividade artística, numa das duas categorias: carteira profissional ou carteira semiprofissional.

Os primeiros beneficiados foram os músicos Elias dya Kimuezu, Joãozinho Morgado, e Filipe Zau, o artista plástico Matondo Alberto e a encenadora e Victória Soares "Totonha”, em acto presidido, quinta-feira, pelo ministro da Cultura, Turismo e Ambiente, Filipe Zau, no Palácio de Ferro.