Estado arrecada 29,9 mil milhões Kz de impostos diamantíferos em 2019

Abril e Novembro foram mais rentáveis, em cada mês arrecadou-se pertode 4 mil milhões Kz. Maio foi menos proveitoso, rendeu 968,9 milhões Kz.

04 Jan 2020 / 08:00 H.

Os impostos sobre a actividade diamantífera renderam cerca de 29,9 mil milhões de Kwanzas ao Estado em 2019, representando um crescimento de quase 49%, face ao período análogo, segundo cálculos do Vanguarda, suportados pela informação mais recente da Agência Geral Tributária (AGT) que contabiliza dados até Novembro dos respectivos exercícios económicos.

Face aos dados divulgados pela AGT, em 2019 o Estado arrecadou (aproximadamente) mais 9,9 mil milhões Kz, se comparado a 2018; ano em que nos meses de Janeiro e Março não houve pagamento de impostos da actividade diamantífera, daí a razão da diferença dos montantes arrecadados naqueles anos. Abril e Novembro (2019) foram os mais rentáveis para o Tesouro Público, pois, em cada mês o Estado pôde arrecadar mais de 4 mil milhões Kz, como apontam os dados apresentados pela Direcção de Tributação Especial (DTE) da AGT, órgão público, adstrito ao Ministério das Finanças (MINFIN).

De acordo ainda com os dados produzidos pela DTE, a menor arrecadação fiscal ocorreu em Maio, foram perto 968,9 milhões Kz. Uma quebra de aproximadamente 76% (cerca de 3 mil milhões Kz), face a Abril e Novembro, segundo cálculos do Vanguarda.

Saiba mais na edição impressa nº 151 do Jornal Vanguarda.