Especialista defende nova estratégia para promover o sector de Hotelaria e Turismo

Natália Papai Capaxi sublinhou que a hotelaria e turismo está entre os sectores que podem contribuir significativamente para o processo de diversificação da economia da Lunda-Norte, através do surgimento de novas infra-estruturas, incluindo a criação de empregos directos e indirectos.

Luanda /
05 Set 2022 / 11:05 H.

O sector da Hotelaria e Turismo na Lunda-Norte carece de uma estratégia sustentável, com vista a identificar as potencialidades naturais e culturais, a fim de servir de ponto de partida para o investimento privado e atrair turistas, defendeu na cidade do Dundo, a especialista em turismo, Natália Papai Capaxi.

Natália Papai Capaxi sublinhou que a hotelaria e turismo está entre os sectores que podem contribuir para o processo de diversificação da economia da Lunda-Norte, através do surgimento de novas infra-estruturas, incluindo a criação de empregos directos e indirectos.

De acordo com ela, para a existência do turismo, a hotelaria deve estar servida com infra-estruturas e serviços à altura, de maneira que os consumidores e investidores possam explorar as valências e contribuir para o sector tributário do País.

Apontou os preços praticados nos serviços de alojamento e alimentação como sendo um dos principais problemas no ramo da hotelaria na Lunda-Norte, onde os operadores reclamam da escassez da produção interna.

"Para que haja turismo, a hotelaria deve ser criada. Apesar da variável hoteleira estar dentro do turismo, a primeira antecede a outra. Com o passar dos anos, o número dos alojamentos na Lunda-Norte tem aumentado, mas ainda sem a qualidade desejada”, afirmou.