Agricultura familiar terá 15 mil milhões do Fundo de Desenvolvimento Agrário

O Fundo de Apoio ao Desenvolvimento Agrário (FADA) vai disponibilizar, ainda este ano, 15 mil milhões Kz para o fomento da agricultura familiar a nível do País, este sábado o Presidente do Conselho de Administração, Carlos Fernandes.

12 Jul 2020 / 09:30 H.

O responsável fez este anúncio no final de um encontro de cortesia com o governador provincial, Pereira Alfredo, no quadro de sua visita de dois dias à região, para avaliar o estado da agricultura familiar.

Carlos Fernandes salientou que o montante em causa vai apoiar a agricultura familiar através da cedência de créditos, de forma que os beneficiários aumentem os níveis de produção de várias culturas, bem como melhorar a colheita na próxima campanha agrícola (2020/2021).

As famílias camponesas, segundo o gestor, terão a oportunidade de adquirirem tractores, fertilizantes, pesticidas, instrumentos de produção, sementes agrícolas, bem como outros meios que lhes garanta o desenvolvimento da agricultura em melhores condições.

Referiu que o financiamento tem também por objectivo o fomento agrícola, no âmbito da diversificação da economia em curso no país, e reduzir as importações de diversos bens alimentares.

Considerou o FADA importante, uma vez que um dos maiores objectivos é remover entraves para alavancar a agricultura, acrescentando que o projecto tem igualmente o foco no apoio à produção e comercialização de produtos da agricultura familiar.