Engenho explosivo mata duas crianças

Duas crianças, com idades entre 9 e 14 anos, morreram sábado, no sector do Losusso, comuna da Munenga, município do Libolo, província do Cuanza-Sul.

08 Out 2019 / 15:13 H.

O administrador municipal do Libolo, Rui Feliciano, disse tratar-se de um morteiro de 60 milímetros, provavelmente disparado durante o conflito armado que assolou a região e que não deflagrou na altura.

Entre as vítimas mortais, estão uma menor de nove anos de idade, do sexo feminino, e outra de 14 anos, do sexo masculino, órfãos de pai e mãe, que viviam sob tutela da avó.