UE manifesta vontade em promover sector privado em África, afirma diplomata

O embaixador angolano no Reinio da Belgica, Georges Chikoti, afirmou sexta-feira, em Bruxelas, que, nesta altura, há uma vontade expressa, manifestada pela União Europeia, no sentido de promover o sector privado em África.

10 Jun 2019 / 13:03 H.

O diplomata angolano teceu tais considerações à margem do encontro do Grupo de Estados da África, Caraíbas e Pacífico (ACP) nas celebrações do Dia “ACP 2019”, na sexta-feira, 7 de junho, sob o lema “O Grupo ACP - Aprofundar e Diversificar Parcerias”, que decorreu em Bruxelas.

Segundo disse, se tal acontecer vai permitir a criação de muitos postos de emprego no grupo de países ACP.

George Chikoti disse também que o grupo de países ACP trabalha arduamente para melhorar a aplição do acordo de parceria ACP-EU, conhecido por acordo de Cotonou.

Este evento foi realizado na sede do Grupo de Estados ACP em Bruxelas, com mesas redondas, exposições artísticas fotográficas e actividades culturais com especialidades culinárias e apresentações de dança e música das regiões ACP.

Dizer que Angola esteve presente com um stand exibindo especialidades culinárias.