Julian Assange acusado de 17 crimes nos Estados Unidos

Julian Assange encontra-se actualmente preso no Reino Unido depois de ter sido retirado da embaixada do Equador onde estava exilado.

24 Mai 2019 / 16:14 H.

O departamento de justiça dos Estados Unidos apresentou 17 novas acusações contra o co-fundador do Wikileaks, Julian Assange, de receber e publicar ilegalmente dados confidenciais, segundo revela a “BBC” esta sexta-feira.

Julian Assange foi acusado no passado mês de abril de conspirar com a ex-analista de inteligência Chelsea Manning para obter acesso à rede do Pentágono. Assange está a cumprir uma pena de prisão de 50 semanas no Reino Unido por não ter pago a fiança.

O co-fundador da Wikileaks de 47 anos foi preso no dia 11 de abril, depois da embaixada do Equador no Reino Unido ter retirado abruptamente o seu asilo. As novas acusações dos Estados Unidos sobre Assange são de violar o ato de espionagem e publicar documentos militares e diplomáticos de 2010.

Segundo o departamento de justiça, Julian Assange “encorajou repetidamente fontes de acesso a informações confidenciais a roubá-las e a fornecer ao Wikileaks a sua divulgação”. Muitas das acusações podem levar a uma pena de prisão entre cinco a dez anos.

Temas