Angela Merkel mantém-se estável no Dia da Bastilha em França

A saúde de Angela Merkel, que celebra 65 anos na próxima quarta-feira, tem sido questionada por diversos meios de comunicação após tremer em público por três vezes consecutivas. Com o fim do mandato em 2021, existem dúvidas sobre se a chanceler vai manter-se no cargo até lá, caso surjam complicações de saúde.

Paris /
15 Jul 2019 / 15:47 H.

A chanceler alemã, Angela Merkel, voltou a comparecer em público, mas não tremeu. A líder alemã mostrou estar bem fisicamente nas celebrações do Dia da Bastilha, em Paris, após caminhar sem sofrer os tremores que tem vindo a mostrar publicamente desde Junho, noticia a ‘Bloomberg’.

A temperatura amena, na ordem dos 20 graus Celsius, pode ser a explicação para a ausência dos tremores. A chanceler caminhou durante 10 minutos até à embaixada alemã, depois da parada militar que durou duas horas. Já na embaixada, Merkel respondeu a questões dos jornalistas enquanto se encontrava de pé, posteriormente agradecendo o convite de Emmanuel Macron.

A saúde de Angela Merkel, que celebra 65 anos na próxima quarta-feira, tem sido questionada por diversos meios de comunicação após tremer em público por três vezes consecutivas. Com o fim do mandato em 2021, as questões têm sido sobre se Merkel aguenta a posição de líder até então.

Quando os meios de comunicação questionaram o povo alemão sobre a saúde da chanceler, 59% afirmaram que se trata de um assunto pessoal da líder, enquanto 34% são da opinião que Merkel deve assumir o que se está passar. Angela Merkel ocupa a posição de chanceler desde 2005, sendo a líder que está no poder há mais tempo.