Madonna rejeita apelos para boicotar Eurovisão

Madonna irá actuar no sábado, na final, em Telavive, afirmando que “nunca deixará de tocar música para servir a agenda política de alguém”.

15 Mai 2019 / 17:00 H.

A afirmação da cantora, foi feita através de um comunicado hoje divulgado, citado pela agência Associated Press.

Segundo a Lusa, Madonna deverá chegar hoje a Israel, e afirmou que o seu coração “parte-se” cada vez que ouve falar “nas vidas inocentes que se perdem nesta região” e “na violência que é tantas vezes perpetuada para servir os objectivos políticos de pessoas que beneficiam deste conflito antigo [entre israelitas e palestinianos]”.

A cantora revela que reza “por um novo caminho até à paz”.

Este ano, o Festival Eurovisão da Canção decorre em Israel e é organizado pela União Europeia de Radiodifusão em parceria com a KAN.