O secretário provincial do Comércio e Hotelaria em Cabinda, João Macaia Tati, afirmou não existir, na cidade de Cabinda, nenhuma unidade hoteleira em construção.

10 Jun 2019 / 10:57 H.

Governo de Cabinda nega existência de hotel com 600 quartos

O governo da província veio a público após circular notícia de que seria inaugurado em Cabinda, um estabelecimento hoteleiro com 600 quartos a ser inaugurado a 1 de Julho.

"Quero aqui afirmar, como responsável pela área de hotelaria e comercio, que não existe nenhuma unidade em Cabinda desta dimensão. E se existe nunca fomos contactados como entidade que regula e licencia esta actividade”, declarou.

Actualmente o município sede de Cabinda conta com oito hotéis e a maior unidade é a do Chiazi com 132 quartos.